institucional
programa 1 milão de rodas
voluntários
notícias
agenda de eventos
parceiros
links de interesse
contato


A Fundação BRASILCAMPEÃO seleciona e prepara pessoas apaixonadas e
conscientes para atuar como mediadores de leitura.
Saiba mais >>


Fundação Dixtal participa de Congresso de Alianças Estratégicas

Organizada pela Sociedade Santos Mártires em parceria com o SESC SP, aconteceu nos dia 13 e 14 de abril o Congresso Modelos de Parceria entre Poder Público, Iniciativa Privada e Terceiro Setor. Os encontros aconteceram no SESC Vila Mariana, zona sul de São Paulo.

No segundo dia, a Fundação Dixtal esteve presente para falar de suas alianças e do Programa 1 Milhão de Rodas. Na mesa de debate, mediada por Sérgio Bosco, estavam presentes Alexandre Schneider – secretário municipal de educação de São Paulo –, Ilona Hertel – pedagoga e Assistente Técnica da Gerência de Programas Socioeducativos do SESC/SP – e Albert Holzhacker, criador da Fundação Dixtal.

O primeiro a apresentar seu trabalho foi Schneider, e começou com uma reflexão sobre o conceito de educação formal. Falou bastante sobre as parcerias da prefeitura com projetos que difusão cultural, como é o caso do Guri, que trabalha com música. Há, ainda, parceria com o Recreio nas Férias e com o SESC.

Em seguida, foi a vez de Ilona Hertel colocar sua opinião de que, no SESC, a cultura e educação são trabalhadas juntas, devendo ambas andar lado a lado. “Essa discussão faz parte da essência da nossa atuação”, disse. Segundo ela, o SESC pensa na cultura como acervo produzido pela humanidade e, portanto, precisa ser valorizado como tal.

Na seqüência, Holzhacker apresentou seu conceito de Brasil Campeão por meio de uma escada encapada com a bandeira dos países que já forma líderes mundiais ao longo da história. No primeiro degrau estavam Portugal e Espanha. Um pouco acima, a bandeira de Inglaterra e, no terceiro, Estados Unidos. No topo da escada, o verde e o amarelo representavam a bandeira do Brasil que, segundo ele, será o próximo “país da vez”.

O secretário de Educação, Alexandre Schineider, olha para a escada dos países

Quando colocou a escada sobre a mesa para começar sua fala, Albert disse: “Esse é meu Powerpoint. Uma apresentação diferente porque a Fundação é diferente”. Um dos fatores que o faz acreditar na ascensão do Brasil como próxima grande potência mundial é a grande miscigenação e a cordialidade que marca o povo.

“O que nós precisamos acrescentar são as inteligências, não só como conhecimento, mas como habilidades”, falou o empresário. Segundo ele, é necessário enxergar o cérebro como um músculo que precisa ser exercitado e é daí que surge o prazer por aprender cada vez mais.

E falando em parcerias, Holzhacker ressalta que os principais parceiros da instituição são os voluntários, “pois dedicam uma energia diferente, que não é fruto de dinheiro”. E terminou sua apresentação com a frase: “Nós não temos limites”.

Rua Geraldo Fraga de Oliveira, 624/628 | Jd. S. Luis - São Paulo - SP | CEP 05843-000 | Fone: 11 5852-5452